5 melhores tecidos para usar no sofá em casa que tem pets

Imobiliária Habitar Pets
4 minutos para ler

Ter animais domésticos em casa traz muitas vantagens. Os bichinhos ajudam a manter o equilíbrio emocional, combater a solidão, são ótimas companhias para idosos e crianças. Para Graciele Nazário, dona de dois cães, os animaizinhos são só amor e fazem parte da família. Já para a veterinária Mírian Amorim, cuidadora de 7 gatos, apesar de todos os desafios o amor é indescritível.

Com os animais dentro de casa, é preciso pensar em conforto e, principalmente, em seus imprevistos. Pelos, garras, xixi, são grandes inimigos dos estofados, mas nem tudo está perdido. Para te ajudar a conservar seu móvel e permitir que seus bichinhos convivam pertinho de você, selecionamos 5 tecidos ideais para o seu sofá.

Acquablock

Como o nome sugere, este é um tecido que repele água. Já muito usado para fazer caminhas dos pets, suas vantagens estão na facilidade da limpeza, resistência a odores e não gruda pelos. Além de uma vasta variação de estampas, o acquablock é uma ótima opção para áreas externas, pois o sol não o altera o material.

Suede

Por não desfiar com facilidade, este tecido é mais indicado para gatos. O sintético de poliéster é macio, tem acabamento similar a camurça e sua textura traz um ar bem chique e moderno ao ambiente. Apesar de aceitar limpeza rápida e suportar as garras dos felinos, o suede gruda os pelos soltos e desbota com facilidade.

Couríssimo

Semelhante ao couro natural, o couríssimo foi desenvolvido para ter alta durabilidade em estofados e proporciona muito conforto e estilo aos móveis. Em casa de pet, o tecido é indicado por ser fácil de limpar, não grudar pelos e ser muito resistente a odores.

Linho sintético

Simbolizando conforto e elegância, o tecido traz um ar rústico ao ambiente que está super na moda. O linho sintético é aconchegante e não mancha em casos de limpeza imediata. No entanto, sua resistência a odores e aos pelos é bem baixa.

Crypton

O crypton tem alta durabilidade e se mostra bem resistente aos odores. Por ter tecnologia que evita mofo, umidade e bactérias, o tecido é mais encontrado em hospitais e hotéis. Junto aos benefícios, a limpeza rápida também entra na conta.

Dica de ouro

Conversamos com a Paula Lannes, de 28 anos, sobre quais tecidos ela usa no sofá para preservá-lo e manter o conforto da sua cachorrinha. Paula é designer de moda, tem sua própria marca e uma loja em Belo Horizonte. Como animais de estimação, ela tem uma Tartaruga e uma Pug chamada Lucy. Em entrevista, a designer disse que escolheu um sofá de cor escura e mais básico para facilitar a limpeza e não puxar fios. Segundo ela, tecidos com menos trama têm mais resistência as unhas dos bichinhos.

Para limpeza, Paula dá a dica de usar bicarbonato em pó no local, esperar poucos minutos e retirar com aspirador de pó. De acordo com ela, essa técnica remove partes grandes da sujeira. Em casos de xixi, a dona de pet indica utilizar álcool e vinagre, mas principalmente vinagre, pois ele corta o cheiro da urina e evita que o cachorro faça novamente naquele local.

A sugestão mais importante que ela nos dar é pensar em mantas sobre o sofá, porque podem ser trocadas e limpadas com mais facilidade. Ela afirma que os tecidos impermeáveis são excelentes, fáceis de limpar, grande durabilidade, no entanto, as peças de móveis revertidas com eles costumam ser mais caras. A dica da Paula é tentar ter um equilíbrio entre o que precisa e quais opções estão disponíveis para usar.

Todos os tecidos trazem vantagens e desvantagens. Faça testes, e escolha o que melhor adapta ao estilo de vida do seu animal de estimação e a sua casa.

Quer mais dicas como essas? Siga-nos no Facebook, no Instagram e no YouTube e acompanhe nossas publicações!


Pets da nossa comunidade


Vida de estudantePowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário